• Caroline Soares

Projetos do IPCCB são contemplados com mais de R$ 1,5 milhão em edital do CNPq


Foto: Fernando Val

Os pesquisadores do Instituto de Pesquisa Clínica Carlos Borborema (IPCCB/FMT-HVD), Marcus Lacerda e Graça Alecrim, tiveram projetos selecionados na chamada 23/2019 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a qual visa promover o desenvolvimento científico, tecnológico e a inovação na área de prevenção, detecção e combate à malária. A soma total destinada, separadamente, aos dois projetos ultrapassa R$1,5 milhão.


O projeto coordenado pelo pesquisador Marcus Lacerda, "Estudo de fase I, de centro único, randomizado, aberto, com grupos paralelos, para avaliação farmacocinética do uso de artesunato-mefloquina em associação com primaquina e tafenoquina (Estudo Amino)", foi contemplado com R$1.138.627 destinados para custeio e capital.

O Estudo Amino pretende realizar pesquisa de fase I com pessoas saudáveis hospitalizadas, com foco na farmacocinética - descrição do movimento da droga no organismo - das medicamento de estudo e detecção de eventuais ocorrências adversos.


A pesquisadora Maria das Graças da Costa alecrim irá coordenar o projeto "Estudo de fase II para avaliação da segurança e tolerabilidade da primaquina para a cura radical da malária não complicada causada por Plasmodium vivax em crianças (Estudo CHILDPRIM), contemplado com R$505.600 a serem gastos com custeio e bolsas de pesquisa.


O Estudo CHILDPRIM planeja realizar pesquisa de segurança do uso de primaquina em diferentes regimes, a fim permitir o uso mais seguro dessa medicação. De acordo com o projeto, o uso da primaquina é ainda decisivo para o tratamento radical e eventual eliminação da malária por Plasmodium vivax.


O edital do CNPq é uma parceria entre o Departamento de Ciência e Tecnologia, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (Decit/SCTIE/Ministério da Saúde) e a Fundação Bill & Melinda Gates. A chamada selecionou projetos de quatro temas ou linhas de pesquisa: Avaliação da adesão ao tratamento de malária no Brasil; Diagnóstico e Epidemiologia; Avaliação de Impacto Econômico de Tecnologias Sociais; e Biologia e Controle de Vetores. Os contratos têm duração de 36 meses.


Confira os projetos selecionados aqui.


O Instituto de Pesquisa Clínica Carlos Borborema (IPCCB) é um grupo de pesquisa interdisciplinar, multiprofissional e interinstitucional dedicado ao estudo das principais doenças infecciosas na Amazônia Brasileira, localizado nas dependências da Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD). Atualmente o Instituto funciona como um consórcio entre a FMT-HVD, a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e o Instituto Leônidas & Maria Deane (Fiocruz Amazônia).

Links e Serviços

Av. Pedro Teixeira, 25 - Dom Pedro.

Manaus - Amazonas - Brasil - 69040-000

 

+55 (92) 2127-3555 

De segunda a sexta-feira: 8:00 às 17:00hrs

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Flickr - Círculo Branco

© 2020 por Instituto de Pesquisa Clínica Carlos Borborema (IPCCB).