Pesquisadores do IPCCB recebem homenagem da UEA

Os pesquisadores do Instituto de Pesquisa Clínica Carlos Borborema (IPCCB), Gisely Melo e Wuelton Monteiro, receberam hoje (27) homenagem da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) pelas suas classificações no ranking "Alper-Doger (AD) Scientific Index", que aponta os 10 mil cientistas mais bem avaliados da América Latina.

Avaliando nove critérios como parâmetro, o índice analisou o desempenho e o valor agregado da produção científica dos pesquisadores, bem como a contribuição e o impacto para a comunidade acadêmica. O ranking avaliou 11.940 instituições, de 195 países.


A cerimônia foi realizada no auditório da reitoria da Universidade, com transmissão online via YouTube e contou com a presença do reitor da UEA, Cleinaldo de Almeida Costa, do vice-reitor da UEA, Cleto Leal, da Pró-reitora de Pesquisa e Pós-graduação, Maria Paula Mourão e do Pró-reitor de Interiorização, Valber Martins. Além de Melo e Monteiro, também foram homenageados os docentes da UEA Rodrigo Augusto de Souza, Maria das Graças Guerra e Flávia Regina Ramos.

Gisely Melo é graduada em Farmácia pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e possui mestrado e doutorado em Medicina Tropical pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) em convênio com a Fundação de Medicina Tropical Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD).


Desde 2017 é pesquisadora na Gerência de Malária da FMT-HVD. No ensino, atua como professora do curso de graduação em Medicina da UEA, é vice-coordenadora do programa de pós-graduação em Medicina Tropical (mestrado e doutorado) da UEA/FMT-HVD e do curso de pós-graduação (mestrado) em Hematologia da UEA.


Tem experiência na área de Diagnóstico Laboratorial de parasitoses e biologia molecular, atuando principalmente em malária, resistência aos antimaláricos e farmacogenética. Atualmente é investigadora principal ou coordenadora de diversos projetos de pesquisa financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em colaboração com instituições nacionais e internacionais renomadas.

Wuelton Marcelo Monteiro possui graduação em Farmácia-Bioquímica pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), mestrado em Análises Clínicas pela UEM e doutorado em Doenças Tropicais e Infecciosas pela Universidade do Estado do Amazonas. Atualmente é pesquisador e diretor de Ensino e Pesquisa da FMT-HVD e docente da UEA. É investigador principal ou coordenador de diversos projetos de pesquisa financiados pela Fundação Bill & Melinda Gates, Instituto Butantan, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em colaboração com instituições nacionais e internacionais renomadas. Tem cerca de 200 artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais.

Com informações da Assessoria de Comunicação da UEA. Fotos: Assessoria de Comunicação UEA